terça-feira, 16 de setembro de 2008

# PÁGINAS AOS PÉS DE TODOS

.idi

Procuro sempre aguardar uns dias para que muitos possam ler a mensagem que encontra-se postada, mas, aqui peço licença a Claudinha para fazer um pequeno post sobre algo que me chamou muita atenção no dia de ontem, ao passar pelo Viaduto Maria Paula, no centro da cidade de São Paulo.
.
Ao longo de uns cinquenta metros aproximadamente, no viaduto por sobre a Av. 23 de Maio, caminho de advogados e centenas de transeuntes, o escritor Samuel Salles, colou no chão com fitas adesivas, próximo à grade de segurança, por volta de umas trinta ou mais cartolinas, com escritos poético-filofóficos de sua autoria, a que ele ressaltava serem inéditos, espaçadas entre alguns potes para o recolhimento de moedas.
Muita gente parando, lendo, refletindo a vida, a originalidade da exposição aliada à simplicidade, e que possivelmente tenha transferido iniciativa a muitos dos que por ali passaram.
Fui tomado por uma grande alegria ao ler tantas palavras edificantes, às vezes engraçadas, sempre cheias de verdades e experiências vindas de um homem simples, porém, por certo com a alma de um rei.
Um rei em sua jornada. O reino em suas palavras. E súditos as reverenciando no momento em que se curvavam para ler.
Alí estava diante de mim e do mundo o Movimento das Páginas aos Pés de Todos.
Vida longa ao rei daquelas palavras, o escritor Samuel Salles.
O meu agradecimento e admiração pela iniciativa.
SADY FOLCH

3 comentários:

Nina disse...

Oi Cris,
vim aqui te contar que achei tao legal a idéia do seu manifesto que coloquei hj num post no nosso blog (meu e da minha filha) e tbm coloquei no ladinho dos posts, nao sei como se chama esse negócio aí, do lado esquerdo, rsrs...

vi vc no blog da Mônica Loureiro. e resolvi te copiar. Posso?
bjs pra vc e parabéns pela idéia linda.

Nina disse...

vc é sady? nao cris??

cadeorevisor disse...

Que idéia bela e criativa!

Beijo,

Pablo
http://cadeorevisor.wordpress.com

PS: Nina, o blogue tem alguns colaboradores. ;-)